segunda-feira, 1 de setembro de 2014

NARRAÇÃO EM DOSE DUPLA..

Apesar do Site www.grupopmbarcelona.com.br desde maio não se atualizar, continuamos nossas narrações no face, e agora com novidades, algumas  boas e outras ruins, vamos disponibilizar informações sobre os gols e artilheiros desse ano, mas, também vamos postar os cartões e suspensões dos atletas que abriram  a caixa de ferramenta nos últimos jogos.
E para agilizar as ações, VAMOS AOS GOLS DOS ÚLTIMOS DOMINGOS!!!

 Domingo do dia 24 de Agosto de 2014.

ZÉ MAMÃO VIROU ZÉ CURUPIRA.

Diz a lenda que uma figura de baixa estatura de cabelos avermelhados e muito esperto é o Curupira, defensor das matas, mas um outro tipo de Curupira habita o campo de Manoel Plaza, ele é careca, narigudo e inimigo da bola,kkkkkk, é o Zé Curupira, nosso grande lateral conseguiu um feito no domingo, ele na vontade de tirar a bola para fora, conseguiu chutar de forma estranha, dando um presente para Miguel Baratinha, putz, logo para ele, o atacante mortal, invadiu a área pela linha de fundo e deu um passe maravilhoso para Índio, o Comanche em grande fase, deu sua flechada mortal. 1 x 0.

CONTRA ATAQUE MORTAL

O segundo gol dos BLUES foi mais uma aula de contra ataque, que aproveitou o desiquilíbrio emocional dos jogadores dos REDS, que mais uma vez desperdiçaram uma grande chance de empatar o jogo, onde Gilberto Motoqueiro perdeu um penalti, perdeu não, Alvinho fez uma linda defesa. Após esse desastre, Naldo que fez uma grande partida nesse domingo, aproveitou a liberdade dada pelos REDS e lançou na medida para Miguel, MATAR O JOGO, fazendo um gol lindo em contra ataque fulminante. 2 x 0.


Domingo dia 31 de Agosto de 2014.

DEPOIS DA SUSPENSÃO, O MATADOR VOLTOU COM SEDE DE GOL

Barata fez grande jogadas nesse domingo, apesar de perder algumas chances claras, ele mais uma vez foi decisivo, e seu primeiro gol, foi mais uma aula de como fazer gol, o lance didático, de como cabecear, após um perfeita cobrança de escanteio de Silvano, Barata subiu no terceiro andar e colocou seu marcador, Valdir Junior, no bolso, Baratão cabeceou de olho aberto, sem chance para o novo goleiro Renan. 1 x 0.

A SINA DO PÊNALTI PERDIDO E O CASTIGO

Perder Pênalti é a sina dos REDS, não têm jeito, após Gilberto perder o pênalti no passado recente, Carlinhos assumiu a cobrança, com autoridade, mas ele não aguentou a pilha do goleiro Renan, que ficou de costas para o batedor, fazendo catimba, e deu certo, Carlinhos chutou na trave. Após essa jogada,a pressão foi total, Perigo assumiu o protagonismo do jogo, após realizar grande jogada, ele sofreu falta, bola embaixo do braço e desespero para os REDS, não teve jeito, chute colocado e vibração dos BLUES. 2 X 0.

BARATÃO É O CARA

O empate mexeu com os brios de Fernando, ele resolveu que o empate foi injusto, Baratão partiu para cima dos BLUES, e mesmo marcado por três jogadores, ele fez um verdadeiro carnaval, e Deni, tentando acabar com a festa, fez falta dentro da área, e ali é pênalti, Baratão não quis nem saber, pegou a bola e com muita calma e postura de artilheiro, colocou no canto e saiu para o abraço. 2 x 1.

SE OS REDS TÊM BARATÃO OS BLUES TÊM BARATINHA

Miguel mais uma vez, tirou o doce da boca dos REDS, o atacante consegue estragar com frequência a festa vermelha, e não foi diferente nesse domingo, após escanteio, Max Perigo realizou uma cobrança venenosa, Marquinho saiu mal do gol e Baratinha guardou mais um nas redes do Vermelho, fazendo o que sabe melhor , estragou o domingo dos REDS, empate mais que justo grande jogo de bola. 2 x 2.



  

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

OS REDS CHEGARAM!!!!!

Reds com sorriso de orelha a orelha nesse domingo, os Falastrões dos BLUES pagaram a língua, e a diferença de cinco vitórias que os Blues tinham de vantagem tiveram fim nesse domingo, com uma linda vitória dos REDS, mas antes de relatar esse jogo épico, não podemos deixar de citar os jogos anteriores que não tiveram publicação nesse espaço do Grupo PM.

03 de Agosto de 2014.

Empate de 3 X 3:
BLUES: Perigo, Índio e Wilson
REDS: Fernando Barata, Fernando Barata e Carlinhos

10 de Agosto de 2014

REDS 5 X BLUES 3

BLUES: Índio, Índio E Perigo
REDS: Barata, Barata, Barata Barata e Maradona

O Domingo dia 17 de Agosto de 2014 foi um dia atípico no Grupo PM, onde poucos, mais valorosos Sócios, participaram da partida, Equipes no limite, ficando sem opção de reserva nos BLUES, sendo obrigados a jogar com um jogador a menos no primeiro tempo, os REDS ainda tiveram a chance de ficar um jogador no banco de reserva, mas com pelo menos três jogadores atuando no sacrifício. Diante desses problemas, o novo Goleiro Marcos, foi obrigado a estrear nesse domingo, fazendo uma bela apresentação, com defesas importantes dos dois lados, já que ele atuou no primeiro tempo no time dos REDS e no segundo tempo no time dos BLUES.
Apesar dos desfalques nos dois lados, o jogo foi muito disputado e equilibrado, com os BLUES jogando pelo empate e os REDS lutando por mais uma vitória, buscando a todo custo o empate no número de vitórias.

OS GOLS.

MOTOQUEIRO MATADOR

O meia atacante Gilberto voltou a ser protagonista na Equipe dos REDS, ele está sendo fundamental nas vitórias nos últimos jogos, fazendo gols ou dando assistências, e nesse domingo, mais uma vez o trabalho em Equipe funcionou, o atacante Silvano, perfeito taticamente, jogando pelas pontas, entrou em velocidade e fazendo um cruzamento para área, Marrom aproveitou o cruzamento, dominou a bola e com muita inteligência achou Motoqueiro na entrada da área, ele apenas olhou para o gol e colocou a bola no canto, sem chance para Deni, o goleiro improvisado dos BLUES. 1 X 0.

A VOLTA DE TIÃO

O veterano jogador, depois de alguns meses parado devido a uma contusão, voltou em grande estilo, fazendo um gol de centroavante matador, escanteio pela direita, Silvano assumiu a cobrança e mais uma vez cobrou muito bem, ele colocou a bola na cabeça de Tião, este aproveitou a saída no vácuo de Deni e com um toque sútil colocou a bola para dentro, GOL 2 X 0. e FESTA VERMELHA.

GOL DE CONSOLAÇÃO

Os BLUES estavam perdido em campo, tentando com todas as forças fazer um gol, para equilibrar o jogo, evitando uma tragédia, e após várias tentativas os BLUES acharam um golzinho, após uma disputa de bola entre Índio e Motoqueiro, este reclamou de falta do Comanche,  a bola sobrou para Índio que soltou uma flechada de fora da área, chute forte, bola rebatida e Geovânio bola sabida com muita calma colocou para dentro, 2 x 1.
FIM DE JOGO
O GRITO ECOA MAIS ALTO

O RRREEEDDDDD VVVVAAAIII TTTEEE PEEGGGGARRRR!!!!


quarta-feira, 30 de julho de 2014

DIA DE VIRADA...

Os REDS voltaram a vencer nesse domingo, e a vitória teve um gosto especial, porque de virada é mais gostoso. Os Jogadores e torcedores dos REDS saíram da Arena de Manoel Plaza com as esperanças renovadas para esse ano, eles perceberam que é possível tirar a diferença no número de vitórias nesse ano.
Após essa virada espetacular do jogo desse domingo, já estão separando a faixa para levar domingo com os dizeres EU ACREDITO..
Os BLUES iniciaram o jogo de forma arrasadora, com André Show, Jorge, Naldo Fábio dominando as ações do jogo, abrindo uma diferença de dois gols no placar, aproveitando as falhas do setor de meio de campo e defensivo dos REDS, que dormiram no ponto e praticamente deram os gols para os BLUES. Entretanto os REDS não se abalaram e confiando muito na sua capacidade técnica e com muita disciplina tática, eles viraram o jogo com muita tranquilidade, com um verdadeiro show de Gilberto Motoqueiro, este jogador jogou com alegria, tendo como inspiração o nascimento do seu filho, que foi o grande homenageado pelos gols e pela bela partida.

OS GOLS

DE BRUÇOS. O ARTILHEIRO

O meio campista Jorge deixou a sua marca nesse domingo, acostumado em apenas desarmar os atacantes, Jorge saiu da rotina nesse domingo, ele fez o primeiro gol nessa partida, aproveitando uma jogada de pura raça de André Show, o atacante recebeu a bola na entrada da área e disputou no pé de ferro com Silvino, que colocou seu pé de alface na bola, André ganhou a jogada e tocou para Jorge, que se livrou do Capita Gema e tocou no canto do goleiro, fazendo 1 x 0.

A PAÇOCA VOLTOU

O Domingo teve paçoca, após fazer um grande jogo no domingo anterior, Carlinhos entrou assustado nesse domingo e assumiu sua camisa de paçoqueiro, ele recebeu uma bola sozinho no meio de campo, tendo Aguinaldo e Darcimar ao seu lado para tocar a bola, mas ele não viu, ai não tem jeito, o Espírito da Paçoca incorpora, ele entregou a bola limpa para Fábio, o meio campista tomou a bola, e com muita qualidade ele esperou o melhor momento para o passe, Fábio observou a entrada livre de Naldo pela esquerda do ataque e deu um passe milimétrico, Naldo não perdoou, 2 x 0 e segundo gol dos BLUES.

A CARECA ABENÇOADA..

Darcimar mais uma vez voltou a ser o Maestro dos REDS, ele voltou a jogar bem, e quando isso acontece é vitória certa, e ele iniciou a grande virada. O gol teve inicio com Carlinho Pé, ele se redimiu pela paçocada, o Veterano recebeu a bola no meio de campo e fez um lançamento espetacular para Fernando Barata, que de Matador virou garçom, Baratão ainda levantou a mão e indicou o "segundo pau", Darcimar se posicionou e apenas escorou a bola, Alvinho com seu bracinho de Dinossauro Rex não pôde fazer nada, bola na rede e 2 x 1.

A PAÇOCA AZUL

O Fantasma da Paçoca estava demais nesse domingo, e a vítima foi Deni, Zagueiro destaque dos BLUES deu um mole incrível, coisa que não acontece todos os dias, ele tentou inventar na saída de bola e deu a bola no pé de Gilberto Motoqueiro, e ele iniciou o seu show, Motoqueiro driblou Deni e deixou o zagueiro no chão e na cara de Alvinho ele chutou firme, gol de empate e muita festa dos REDS. 2 X 2.

O CARNAVAL DO MOTOQUEIRO

O Gol da virada aconteceu depois de um carnaval feito por Gilberto, o jogador foi muito elogiado por todos, ele foi letal em todas as jogadas que ele participou, e nessa jogada ele partiu em diagonal, entrou driblando e quando chegou na frente de Basílio ele bagunçou e não respeitou sua condição de Parlamentar, toque mortal no canto e golaço, que corou sua participação no jogo, gol da virada e festa do treinador, pois ele viu a redenção de seu atacante. 3 x 2

COROANDO O JOGO EM EQUIPE

O quarto gol dos REDS serviu para coroar o grande jogo dessa Equipe, uma prova que a nova postura dos atletas dos REDS está fazendo a diferença, onde todos se respeitam e lutam juntos cada batalha.
O GOL iniciou com Fernando Barata, este recebeu a bola após troca de passes  e com a aproximação de Naldo na marcação, Barata resolveu partiu para cima com seus dribles desconcertantes, deixando Deni e Mazinho no vácuo, Barata então percebeu Luciano entrando pela ponta, e com muita categoria rolou para Lupa, este conhece a arte do passe e ele não decepcionou, Lupa foi cirúrgico, deixou Aguinaldo livre, o baixinho enfocado dominou a bola e com uma frieza incomparável colocou a bola nos fundos da rede, 4 x 2 e o Cântico sinistro aumentou O RED VAI TE PEGAR! O RED VAI TE PEGAR!!!

Observação: Os BLUES já estão tentando atrapalhar essa reação dos REDS e não é no campo e sim nos bastidores...
AH! Não podemos de deixar de citar os Pitis de André Show, que parou de jogar e começou fazer Showzinhos dentro e fora de campo...


segunda-feira, 21 de julho de 2014

O JOGO QUASE PERFEITO DOS REDS

Os REDS voltaram a respirar nesse domingo, durante os últimos dias se falava muito na ideia de fabricar um caixão para a Equipe Vermelha, os BLUES, liderados por Basílio, Wilson e Henrique gastaram o verbo na resenha, alegando que o ano já estava garantido,  rindo a toa, aproveitando-se dos erros infantis do time de vermelho, mas o domingo do dia 20 de julho os REDS mudaram esse discurso, eles  foram quase perfeitos, uma Equipe compacta que tomou conta do jogo, não dando chance nenhuma para os BLUES.
A Equipe Azul tentou ao máximo equilibrar o jogo, atacando em massa, buscando brechas na defesa dos REDS, com Perigo, André, Índio e Baratinha pressionando a defesa, fazendo jogadas que pudessem violar o esquema de três zagueiros imposto pelo REDS. No entanto, o time dos REDS tinham também um meio de campo forte na marcação, com Francismar, Darcimar e Aguinaldo que deram total suporte ao sistema defensivo dos time de vermelho, Aguinaldo, vale a pena citar, fez novamente uma grande atuação, fazendo belas jogadas ofensivas e protegendo muito bem os laterais, que mesmo sem muito liberdade para atacar, deram conta do recado, especialmente Zé Mamão e Sapuca, este, que estava aniversariando nesse domingo, deu um presente para o treinador Sandro, ele fechou a Avenida Sebastião Garcia, não dando chance nenhuma de ataque para os BLUES.

OS GOLS..

CADA  ENXADADA UMA MINHOCA!!

Essa é a vida de Odienete, este senhor da mais de sessenta anos, tem um currículo maravilhoso, é difícil ele não deixar sua marca na canela dos atacantes, e nesse domingo não foi diferente, entretanto, para o azar dele e dos BLUES, no dia de hoje a arbitragem estava perfeita, o Professor Luciano Rocha não perdoou a violência do Odinete. Após Silvano realizar um belo lançamento para Fernando Barata, Baratão ficou mano a mano com Odinete, balançou para o lado, pedalou para o outro e resultado: chute no joelho e falta dentro da área. Pênalti marcado e responsabilidade para o experiente Carlinhos Pé, o Veterano jogador recebeu a bola do artilheiro Barata, colocou a bola embaixo do braço e assumiu cobrança e com muita tranquilidade se posicionou na marca do pênalti, chute no ângulo sem chance nenhuma para goleiro Alvinho, GOL 1 X 0 e os REDS acharam seu cobrador oficial.

A SORTE E A ARTE ANDAM JUNTAS..

O atacante Fernando Barata estava voando em campo, já tinha sido protagonista no pênalti no primeiro gol, mas a jogada bonita dele ainda estava por vir, após a cobrança de lateral feita por Sapuca, Baratão dominou a bola e recebeu a ordem  para partir para cima da marcação em jogada individual, carnaval total, ele se livrou de dois defensores e quando o Pigmeu Wilson tentou tomar a bola, Baratão soltou o chute, que foi desviado e matou o goleiro Alvinho, que com sua mãozinha de jacaré não chegou na bola, que morreu nos fundos da rede, 2 x 0 e ALEGRIA TOTAL DOS REDS.

OS REDS EM EQUIPE..

O Terceiro gol dos REDS foi um exemplo de como um time tem que se comportar, o gol deveria entrar nos manuais de futebol, jogada muito bem trabalhada, um golaço. O gol começou a se desenhar com uma troca de passes de Beto, Darcimar e Aguinaldo, mas a bola passou por quase todo o time dos REDS, eles praticamente colocaram os BLUES na roda, e no final, Darcimar que estava desempenhando função no lado direito, foi na linha de fundo e cruzou, cruzou não, deu um passe milimétrico para o artilheiro Barata, este deu uma cabeçada no ângulo, GOLAÇO.. 3 X 0  E ATUAÇÃO PERFEITA..

NA HORA DO DEZ OS REDS VACILARAM...

OS REDS estavam realizando uma partida perfeita, com uma zaga segura um meio de campo criativo e um ataque devastador, mas os REDS tentaram inventar, cometeram um erro que virou rotina nos jogos do Grupo PM, o time tentou fazer graça dentro da área, teve a chance de jogar feio, mas quis enfeitar, resultado: Miguel Baratinha tomou a bola e fez grande jogada, Aguinaldo tentou desarmar Miguel, mas não teve jeito, Baratinha foi mais rápido, jogada que resultou em pênalti infantil. Max Perigo assumiu a cobrança, muita calma e a categoria de sempre, ele coloca a bola onde quer, resultado: GOL DOS BLUES e muita reclamação do treinador dos REDS...


 FINAL REDS 3 X BLUES 1

os reds vai te pegar;........ o grito ainda é baixo, mas domingo pode aumentar...



terça-feira, 15 de julho de 2014

EMPATE SEM SAL

A partida desse domingo foi decepcionante, pois todos esperavam um grande jogo, com muitos gols e mais uma partida emocionante, mas não foi isso o que aconteceu, os artilheiros dos BLUES E REDS, não balançaram as redes, estiveram abaixo das expectativas. O atleta que teve as melhores chances foi Fernando Barata, entretanto ele não aproveitou as oportunidades, eles perdeu, mais uma vez, gols incríveis, deixando desesperado a torcida dos REDS. A melhor oportunidade de gol dos REDS, iniciou com uma grande jogada de Carlão, que mesmo jogando de zagueiro, ele subiu ao ataque, e em uma arrancada incrível, ele literalmente atropelou  o setor defensivo dos BLUES, indo a linha de fundo, pelo lado esquerdo, cruzando a bola na medida para Fernando Barata, porém, o atacante perdeu um gol praticamente feito, sendo muito "elogiado" pelo treinado Sandro, que ficou indignado pela chance perdida.
Os REDS também colocaram perigo, eles quase marcaram com o craque Max Perigo, ele por pouco não deixou sua marca, aproveitando uma grande jogada de André Show, o artilheiro do ano conseguiu dar seu espetáculo, e após fazer sua arte, ele deixou Max Perigo em condições de fazer o gol, Perigo acionou o gatilho, mas deu azar, chute cruzado e a bola passou raspando, fazendo os REDS tremerem com a possibilidade de perder mais um jogo.

Apesar das críticas ao ataque, não podemos deixar de citar o setor defensivo dos REDS, Carlão, Gemário e Beto foram perfeitos, todos jogando com muita seriedade e disciplina tática, o Trio de Ferro ainda teve ajuda do meio de campo, que além de municiar o ataque, eles ainda deram grande suporte ao setor defensivo, destaque para Aguinaldo que atuou em mais de uma função, sendo o Coringa do treinador.
Os BLUES se superaram, mais uma vez, demonstraram a importância de ser uma equipe muito equilibrada, graças ao seu treinador Enilson, somado com a liderança de Wilson, Naldo, William, com a experiência de Almir e com o talento e boa fase de André e Perigo. Os REDS estão realizando novamente uma ótima temporada, e será difícil tirar a soberania dessa EQUIPE.

A NOTA TRISTE DO DOMINGO FOI A NOTÍCIA DO FALECIMENTO DO PAI DE DENI.
NOSSOS SENTIMENTOS E RESPEITOS PARA SUA FAMÍLIA...

segunda-feira, 7 de julho de 2014

SANGRARAM OS REDS SEM PIEDADE

A atuação dos BLUES foi arrasadora neste domingo, eles não tomaram conhecimento da Equipe dos REDS, nem com a volta do artilheiro Baratão, que após dar a volta ao mundo, não foi bem recebido, já retornou tomando uma goleada,  as boas vindas  foram quatro gols, com direito a Paçocada de Betão e humilhação ao velho GEMA 28 e, ainda, falhas que haviam sido corrigidas em jogos anteriores. Os zagueiros abandonaram suas posições, os jogadores de ataque falharam nas finalizações e o técnico foi omisso e incompetente nas alterações.
Os BLUES jogaram por música, com André Show dando seu espetáculo, Max Perigo decidindo e humilhando Gemario e William voltando muito bem, sem contar com as belas atuações do Índio, Naldo e etc. Os Blues ainda tiveram a oportunidade de assistir o seu goleiro Bipolar Henrique, que tomou um frangaço em uma cobrança de falta, mas depois se redimiu,  praticando defesas espetaculares no decorrer do jogo, todos esses ingredientes foram o segredo para uma vitória inquestionável, vitória não, puro massacre, uma partida para os REDS esquecer esse ano.

OS GOLS...

O PRÊMIO DA PAÇOCA VAI PARA ?  ... BETÃO!!! DE NOVO!!

Existe coisas que não dá para entender, durante vários jogos os REDS vêm realizando partidas perfeitas no setor defensivo, jogando sério e sem inventar, mas Betão não conseguiu resistir neste domingo, e voltou a cometer esse grande erro, ele entregou a paçoca para o Velho Índio Comanche, Betão após ter a bola dominada, tentou sair jogando, mesmo tendo a possibilidade de jogar feio e isolar a bola, e Índio com muita categoria apenas rolou para Max Perigo, este atleta não costuma perdoar, chute forte e bola na rede, 1 x 0. E PAÇOCA PARA BETÃO.

FRANGO COM QUIABO

O Paredão Babilônico foi destruído hoje por um frangaço com quiabo, Henrique que vem fazendo um grande campeonato, foi protagonista nesse domingo com um lance bisonho, após os BLUES realizarem uma falta na frente da área, Baratão pegou a bola com muita autoridade, tentando dar esperanças a torcida dos REDS, e bateu a falta praticamente no meio do gol, Henrique foi na bola meio "viajando", resultado, ficou com as penas nas mãos.. 1 x 1.

SHOW MAN ATACOU DE NOVO..

A fase de André está demais, ele é o grande artilheiro do ano, fazendo partidas espetaculares e sendo decisivo não só nos gols, mas sendo um garçom de primeira, nesse domingo ele deixou mais uma vez sua marca de matador, e seu repertório aumentou, e como é de costume, antes de perder um gol incrível, ele fez o seu. A jogada teve início com o Lateral Naldinho, que precisou apenas de 25 minutos de futebol para demonstrar sua importância e fôlego, Naldinho deu o passe para William, que driblou Jadir, indo no fundo, dando um passe açucarado para André, que ganhou de Silvino no alto, cabeceando a bola para o fundo das redes, gol de artilheiro e gol da virada, 2 x 1.

CASAL 20

André Show e Miguel Baratinha estão formando uma dupla muito entrosada nesse ano, eles estão fazendo a diferença, além de fazer muitos gols, eles estão sendo muito solidário, dando passes importantes um para o outro, sem vaidades de serem artilheiros. O domingo foi mais uma prova disso, Miguel fez linda jogada e deixou André de cara para o gol, e André é artilheiro matador, e apesar de plasticamente o gol não ter sido como os outros gols dele, mas o que vale é bola na rede, 3 x 1.

GEMA 28 NO CHÃO, SINAL DE HUMILHAÇÃO..

O gol que fechou o caixão, foi uma jogada para humilhar qualquer time, e para ficar pior, um dos destaques de força e qualidade dos REDS, ficou no chão, cena triste para os jogadores e torcedores dos REDS, imagem que desanimou muitos que ainda acreditam na virada. O contra ataque foi mortal, todos dos REDS tentando algo a mais, com Gema e Betão tentando fazer o gol, mas não teve jeito, Max Perigo foi fatal, ele aproveitou o contra ataque, André recebeu a bola na direita e com um lindo passe achou Miguel, este rolou para Max Perigo, que ameaçou chutar, deixando Gema 28 no chão, e depois de rir na cara do Capitão, Perigo fuzilou, 4 x 1.

MASSACREEEEEEEEEEE


SOBRENOME DOS BLUES: EFICIÊNCIA
O domingo foi de pura emoção na Arena de Manoel Plaza, com os BLUES E REDS realizando um jogo eletrizante, com chances dos dois lados, entretanto, os BLUES foi a eficiência em pessoa, eles tiveram no máximo quatro chances reais, mas eles fizeram dois gols, um dos gols com o Veterano Índio Comanche, que deixou sua flechada mortal e o outro gol aconteceu depois de uma jogada infantil dos REDS, que acreditaram em André Show, que no banco pediu para parar o jogo, PURO MIGUÉ, Pet não quiz nem saber, fingiu que não era com ele e matou o jogo, bobeira geral dos REDS, bobeira mortal e infantil, coisa de juvenil.
Os REDS fizeram um bom jogo, com direito a bola na trave do atacante Carlão e ótimas chances criadas, mas o ataque não conseguiu transformar as chances em gol, em certo momento, todos acreditavam que o gol era questão de minutos, mesmo com Gilberto Motoqueiro dormindo no jogo, o meio campista aparentemente não se encontra na sua melhor condição física, muito lento e disperso no jogo.
OS GOLS
A FLECHA MORTAL
O Grande Pigmeu Wilson aprontou mais uma para cima dos REDS, foi dele o lançamento para o gol do Índio Comanche, mas quem também colaborou para o gol foi o Zagueiro Curupira Silvino, ele falhou feio no gol dos BLUES, e os BLUES não perdoam, Índio dominou a bola com muita categoria e com sua pontaria de sempre, fez o gol que abriu o marcador e colocou pressão nos REDS, 1 x 0.
JOGO LIMPO É O C.... EU SOU BLUES !!!
Mais uma polêmica nos domingos do Grupo PM, mas não podemos culpar os jogadores dos BLUES, pois os REDS deram mole.. Gemário caiu em campo pedindo falta e o arbítrio Alex não entrou na dele, André Show pediu para o jogo, mas o juiz não parou o jogo, a zaga dos REDS dormiram.. e ai não tem jeito, Pet e Miguel contra o zagueiro Silvino, este não tinha como fazer nada, Pet foi fominha e não perdoou, driblou Silvino e executou o golpe de misericórdia na esperanças dos REDS. 2 X 0
E OS REDS CAVARAM MAIS FUNDO SEU BURACO ...